Prefeito Fradique Garante Ampliação e Reforma da Escola da Grama

0
0

 

O prefeito Fradique Gurita esteve visitando na tarde desta última terça-feira 21, a Escola Municipal Otávio Severino da Silva (Escola da Grama). Na oportunidade o prefeito conversou com professores, pais de alunos e pessoas responsáveis pelo transporte escolar. Estiveram acompanhando o prefeito o Presidente da Câmara Municipal de Campina Verde Marcos Donizetti (Marquinho do RH), o vereador João Batista (Batista de Honorópolis), a Secretária de Educação Maria Célia e da Superintendente de Educação Dilma Maria.

Em pauta o prefeito abortou três  assuntos importantes, o primeiro foi em relação ao corte da merenda escolar para os professores. Segundo Fradique a decisão partiu do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) órgão ligado ao Ministério da Educação (MEC) e também da Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE-MG). Equipes do MEC estarão realizando visitas nas escolas públicas de todo país, com o objetivo de observar tudo o que é relacionado a alimentação escolar, como condições de higiene, infraestrutura das cantinas, cardápio balanceado, bem como se outras pessoas estão desfrutando dos alimentos destinados exclusivamente aos estudantes, de acordo com a lei federal 11.497/2009.

A Secretária de Educação Maria Célia também enfatizou que já foi informada através da Superintendência Regional de Ensino, para que seja cumprida pela direção das escolas, o corte de imediato da merenda aos professores, conforme a orientação do FNDE.

Outro assunto tratado durante a reunião, foi destinado exclusivamente aos responsáveis pelo transporte escolar, uma vez que fiscais da SEE-MG estarão realizando vistorias sem prévio aviso em linhas do transporte escolar de todo estado, para chegar se realmente o transportador contratado pelo município, através do processo licitatório, está cumprindo corretamente o percurso o qual foi elaborado pela Secretaria de Educação do município.

 

 

 

 

 

 

 

O prefeito Fradique ressaltou que muitos dos transportadores deixam de informar a Secretaria de Educação, quando o aluno para de utilizar o transporte, com isso  haverá redução no percurso, fato esse que muitos deixam de informar causando prejuízos aos cofres públicos. Para se ter uma idéia só no Distrito de Honorópolis e na região da Grama existem mais de 30 linhas do transporte escolar, desse total cerca de 15 linhas encontram se com irregularidades em seus percursos. Se todas as linhas estivessem com seu percurso correto, o município estaria economizando cerca de 453 Km por dia, uma economia que pode chegar no final do mês em mais de R$: 22.500,00.

A terceira notícia agradou a todos, foi quanto a ampliação e reforma da escola Otávio Severino. De acordo com Fradique a ampliação da escola foi uma solicitação sua, através do Ex Deputado Federal Caio Narcio. O termo de compromisso é do ano de 2016, e somente agora o Ministério da Educação liberou os recursos na casa dos R$ 753.130,70 (Setecentos e cinquenta e três mil, cento e trinta reais e setenta centavos) que serão gastos na ampliação da escola, que contará com um novo refeitório, área de serviço, dispensa, biblioteca, sala para professores, sala de reuniões, secretaria, diretoria e uma nova moradia para o zelador

O prefeito assegurou ainda que além da ampliação o município vai garantir através de recursos próprios, a reforma do prédio já existente, que contemplara pintura, piso, portas, janelas entre outros.

Nesta última quarta-feira 22, engenheiros da prefeitura e empresários ligadas a construção civil, estiveram visitando a escola para avaliarem as condições do prédio, e consequentimente apresentarem suas propostas caso tenham interesse na obra, no dia 31 de maio, quando será aberta a tomada de preço 01/2019 onde será conhecida a empresa vencedora, que fará a ampliação e reforma da escola.

Fradique pediu muita cautela por parte dos professores, alunos e também dos pais, uma vez que a escola estará em reforma durante o período letivo, e isso poderá gerar vários transtornos, porém todo transtorno gerado no início, será compensado no futuro, com a escola ampliada e totalmente reformada.

Por William Batista.

Fotos William Batista.

Fonte: https://www.defatoonline.com.br/professores-sao-proibidos-de-comer-merenda-dos-alunos/