Palestra de Resgate a Cultura Marca Comemorações dos 150 Anos da Paróquia Nossa Senhora da Medalha Milagrosa de Campina Verde

0
0

 

 

 

 

 

 

 

150 anos de muita fé, devoção, religiosidade e desenvolvimento, a Paróquia Nossa Senhora da Medalha Milagrosa de Campina Verde está completando este ano os seus 150 anos de existência, e os 200 anos da chegada ao Brasil dos padres Lazaristas, filhos de São Vicente de Paulo ou simplesmente padres da Congregação da Missão. Nesta última terça-feira 12, foi realizado no Centro Pastoral João Paulo II uma palestra que contou um pouco a história que originou a chegada dos primeiros evangelizadores ao Sertão da Farinha Podre, em especial a região de Campo Belo da Farinha Podre.

Centenas de pessoas da comunidade e também representantes de entidades, poderes executivo, legislativo e judiciário estiveram participando desse momento de história e cultura de Campina Verde, que nasceu de um simples povoado, para depois se tornar arraial, freguesia e distrito até chegar a condição de município. Toda a sua história está alicerçada diretamente a chegada dos padres da Congregação da Missão a essas terras, é o que explicou a professora e palestrante Maria Alice Nunes de Oliveira “como leiga que quer colaborar com a comunidade, eu consegui facilmente todos os dados, muita gente ajudou, muitos livros, muita pesquisa, e nós conseguimos chegar a esse trabalho final, pois o tripé da existência de Campina Verde é a saúde, a religião e a educação e isso tudo nós tivemos através dos padres, a coluna mestra foi e continua sendo a igreja, então a gente não poderia deixar de falar sobre educação, sobre igreja, sobre saúde nesse evento por que se não Campina Verde não existiria” ressaltou a professora.

O prefeito Fradique Gurita também esteve marcando presença no evento, e falou da importância que a paróquia tem para a construção da história do município “eu quero parabenizar o padre Donizete por dar esse início, nós sabemos que quem não conhece o seu passado, quem não sabe da sua história não terá um bom futuro, e Campina Verde existe graças a igreja, nasceu com João Batista Siqueira, a igreja fundou Campina Verde, a cidade progrediu e continuou crescendo graças ao trabalho da igreja, são 150 anos de igreja, 80 anos de emancipação política administrativa, é uma história única, uma história só, por isso é um ano de comemorações, de eventos com o apoio da administração, com o apoio da sociedade que vem realmente levar o conhecimento a toda sociedade da nossa história” frisou o prefeito.

Para a Coordenadora da Comunidade São José e uma das organizadoras da palestra Vanessa Nunes de Melo Moura, o momento é de muita alegria, pois são poucas paróquias que conseguem esse feito tão importante, comemorar seus 150 anos de existência “é uma honra esse jubileu, não é qualquer paróquia que pode completar 150 anos, com tanta alegria, nós fomos intitulados pelo padre Ravier, que esteve visitando a nossa paróquia, e isso é uma honra para nós e uma grande alegria, e nós teremos aí durante todo o ano vários eventos, a programação é vasta, e como leiga ativa na minha paróquia, eu fico extremamente alegre por ter visto a grande participação de hoje e não poderia de deixar de falar como é importante a liderança de nosso pároco padre Donizete para que tudo isso aconteça” assegurou a coordenadora.

Vanessa ressaltou ainda as comemorações que já estão agendadas para os próximos meses, inclusive para o povoado de Monjolinho, no município vizinho de Prata, que também faz parte da história dos 150 anos da Paróquia Nossa Senhora da Medalha Milagrosa “na verdade o Monjolinho faz parte desta história e nós fazemos parte da historia do Monjolinho, não tem como a gente pensar em uma festa deste porte sem estar envolvendo a comunidade do Monjolinho, a comunidade Nossa Senhora do Rosário, nós estivemos com o padre José Eduardo que foi extremamente acolhedor e se dispôs a participar conosco dessas comemorações, então dia 02 de junho nós estaremos celebrando lá as 10 horas da manhã e eles estarão celebrando aqui no mês de novembro na festa de nossa padroeira” finalizou Vanessa.

O Pároco Padre João Donizete falou da importância da palestra, pois além de marcar o calendário em comemoração aos 150 anos de nossa paróquia, também retratou a importância do trabalho prestado pelos padres, tanto para a cultura, educação e o desenvolvimento do município de Campina Verde “nós tivemos a grande alegria de dentro do projeto de 150 anos, a primeira palestra, começando este ano envolvendo tanto o lado religioso como o lado público, as pessoa, as autoridades, as escolas onde nós pudemos levar ao conhecimento a história de Campina Verde, mais profundamente levando esse conhecimento para que as pessoas pudessem conhecer mais a nossa história, nossa cultura, pois não tem como a gente falar de Campina Verde sem falar de nossa religiosidade, lembrando bem que a nossa presença aqui em Campina Verde completa esse ano 191 anos, mais é 150 anos da criação de nossa paróquia, então não tem como desvincular a fé da história política de Campina Verde” é o que explicou padre Donizete.

Padre Donizete frisou ainda as programações que estão preparadas para este ano “nós temos uma programação extensa, que começou em novembro do ano passado e ela estende até novembro deste ano, tem muita coisa para ser feita até dia 27 de novembro, inclusive uma visita ao Caraça onde que começou a história da Congregação da Missão, foi de lá que os padres vieram para cá, então temos uma programação extensa esse ano” garantiu o pároco.

Uma das programações já agendadas em comemoração aos 150 anos da Paróquia Nossa Senhora da Medalha Milagrosa, acontece no dia 02 de junho, onde será realizado um passeio ciclístico até o povoado de Monjolinho, depois será celebrada uma missa em comemoração ao povoado e finalizando com um almoço aos participantes. Para mais informações sobre a agenda de eventos programados para as comemorações dos 150 anos de nossa paróquia, as pessoas podem entrar em contato na secretária da paróquia, que fica na Avenida 19, nº 197 no centro ou pelo telefone 3412-1643.

Confira mais fotos no link abaixo:

Posted by Prefeitura de Campina Verde on Sunday, March 17, 2019

 

Confira a matéria completa no Facebook:

Palestra de Resgate a Cultura Marca Comemorações dos 150 Anos da Paróquia Nossa Senhora da Medalha Milagrosa de Campina Verde150 anos de muita fé, devoção, religiosidade e desenvolvimento, a Paróquia Nossa Senhora da Medalha Milagrosa de Campina Verde está completando este ano os seus 150 anos de existência, e os 200 anos da chegada ao Brasil dos padres Lazaristas, filhos de São Vicente de Paulo ou simplesmente padres da Congregação da Missão. Nesta última terça-feira 12, foi realizado no Centro Pastoral João Paulo II uma palestra que contou um pouco a história que originou a chegada dos primeiros evangelizadores ao Sertão da Farinha Podre, em especial a região de Campo Belo da Farinha Podre.Centenas de pessoas da comunidade e também representantes de entidades, poderes executivo, legislativo e judiciário estiveram participando desse momento de história e cultura de Campina Verde, que nasceu de um simples povoado, para depois se tornar arraial, freguesia e distrito até chegar a condição de município. Toda a sua história está alicerçada diretamente a chegada dos padres da Congregação da Missão a essas terras. Confira mais detalhes na matéria abaixo:

Posted by Prefeitura de Campina Verde on Sunday, March 17, 2019

 

Confira a matéria completa no Youtube:

Por William Batista.

Fotos: William Batista.