11ª Conferência Municipal de Direitos da Criança e Adolescente é Realizada Com Sucesso Em Campina Verde

0
0

 

 

 

 

 

 

 

“Proteção Integral, Diversidade e Enfrentamento as Violências” foi tema da 11ª Conferência Municipal de Direitos da Criança e Adolescente, realizada pela Prefeitura Municipal, juntamente com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente, na tarde desta quinta-feira 08, no Centro Pastoral João Paulo II. A conferência teve como finalidade realizar debates, que fazem parte da base do Plano Decenal dos Direitos da Criança e do Adolescente, além de propor metas que poderão fazer parte da pauta da Conferência Estadual que será realizada no ano que vem.

Estiveram participando da 11ª Conferência, presidentes de conselhos, associações de bairro, sindicatos, servidores municipais, representantes de escolas, do conselho tutelar, de entidades da cidade e pessoas preocupadas com as questões sociais do município.

A conferência também contou com várias apresentações culturais dos alunos que participam dos cursos oferecidos pelo Centro de Referência da Assistência Social (CRAS). As apresentações tiveram início com a participação dos alunos do professor de viola caipira e violão Ricardo Lima, que interpretaram o Hino Nacional e também o Hino de Campina Verde.

O evento contou com a apresentação dos alunos do curso de capoeira coordenados pelo professor Fernando Rosa, além da apresentação da tradicional dança de catira e música também dos alunos do professor Ricardo Lima, e para fechar o quadro de apresentações não poderia ficar de fora a apresentação do aluno Devison do curso de teclado, que é coordenado pelo professor Luiz Chaves.

A presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente Jucy Marques, ressaltou a importância de realizar eventos como este, para o fortalecimento dos direitos da criança e adolescente “é aqui que a gente aborda os problemas que nós constatamos, as idéias nós vamos levar para a conferência estadual e para a nacional, a conferência aqui no município é a fase mais importante de todas as conferências que serão realizadas até o ano que vem” assegurou a presidente.

Após as apresentações dos alunos do CRAS, o Advogado e Consultor em Gestão Pública da Associação dos Municípios do Vale do Paranaíba (AMVAP) Alexandro de Souza Paiva, apresentou em sua palestra as dificuldades enfrentas diariamente por milhões de crianças e adolescentes no país, além de reforçar a importância de realizar encontros como este, que tem como propósito o fortalecimento de políticas públicas que vão garantir um futuro melhor para essas crianças e adolescentes “esse é o momento ideal para falarmos dessa ação tão importante, que é falar de criança e adolescente, por que eles são o futuro e a esperança de algo melhor, de continuidade e com isso tudo vai dar certo lá na frente, e a gente vez falando esse ano sobre essa questão, todo dinheiro investido em criança e adolescente é um dinheiro que vai surgir muito efeito lá na frente” garantiu o palestrante.

Alexandro disse ainda que a participação das pessoas nas conferências municipais é de suma importância “as vezes a pessoa pensa, mais o que eu vou contribuir participando de uma conferência municipal dos direitos da criança e adolescente, vai contribuir muito, primeiro você discuti a realidade local e depois até pensar de forma comunitária a nível estadual e a nível de nacional. Muitas decisões que foram debatidas em outras conferências e que hoje trouxeram vários benefícios para a nação, para o país sairão dessas conferências municipais” salientou Alexandro.

O palestrante reforçou ainda que eventos como este deveriam ser realizados mais vezes com a finalidade de buscar idéias novas, que podem garantir um futuro melhor para a nossa nação “eu sei que a conferência acontece a cada dois anos, mais nós precisamos estar discutindo em intervalos menores essa preocupação com a criança o adolescente, por que nós temos que investir nesse público para tentar melhorar o futuro de nossa nação” finalizou Alexandro.

Participante da 11ª Conferência Municipal de Direitos da Criança e Adolescente a Farmacêutica Ana Claudia Freitas avaliou com positivo o evento “a conferência foi ótima, e isso mostra que o município está preocupado com nossas crianças e futuros adolescentes, são as pessoas que temos que depositar as nossas esperanças” frisou Ana Claudia.

O mesmo garantiu o professor de Informática, Firmiano Alexandre que participou pela primeira vez, segundo ele é através de uma boa educação, atividades esportivas que poderemos mudar essa dura realidade que o país vive hoje “é importante a reflexão de toda comunidade, a importância do nosso papel em relação a prevenção da violência, sabemos que é um problema social imensurável, e as ferramentas que nós temos a disposição é justamente a educação, esporte e cultura, e cabe a nós a reflexão e atitude para colocarmos em prática todas essas possibilidades para melhorar esse aspectos tão importante que é em relação as crianças e adolescentes” assegurou o professor.

Depois da palestra foi vez da formação de grupos que discutiram os 05 eixos temáticos propostos na conferência; Temas como garantia dos direitos, políticas públicas integradas, inclusão social, prevenção e enfrentamento da violência contra crianças e adolescentes, orçamento e financiamento das políticas para crianças e adolescentes, controle social, participação da comunidade e comunicação social fizeram parte da discussão dos trabalhos de deliberação da 11ª Conferência Municipal de Direitos da Criança e Adolescente.

Todas as propostas serão encaminhadas para a Conferência Estadual que acontece no ano que vem na capital mineira. Além das propostas também foi realizada a escolha de presidentes e suplentes que representarão o município durante a Conferência Estadual, obedecendo a proporcionalidade e os critérios estabelecidos pelo Conselho Nacional de Direitos da Criança e do Adolescente (CONANDA).

 

Foram eleitos os seguintes representantes:

– Representantes do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente:

Presidente: Jucy Alves Santos Marques

Suplente: Shirley Celia Lima Brito

 

– Representantes da Esfera Governamental do Município:

Presidente: Aparecida Urzedo de Queiroz Rodrigues Pereira

Suplente: Maria Belnetriz Amaral Lima

 

– Representantes do Conselho Tutelar Municipal:

Presidente: Aparecida Ferreira Marques (Doca)

Suplente: Nixon Carmo Arantes Coimbra

 

– Representantes das Crianças e Adolescentes:

Presidente: Gilmar Mariano Martins

Suplente: Roberta Gomes de Freitas

 

– Representes da Sociedade Cívil:

Presidente: Firmiano Alexandre dos Reis Silva

Suplente: Sheilla Aparecida Soares Silva

Os representantes eleitos na plenária municipal, receberão suporte e apoio do município para participarem da Conferência Estadual no ano que vem. Para finalizar o evento a Secretária de Desenvolvimento Social Valtiva Maciel Mendes, avaliou como positiva a 11ª Conferência Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente “uma conferência muito boa, muito positiva, tivemos a participação de vários seguimentos aqui de nossa sociedade, as entidades participaram, podemos contar no setor de educação a participação de representantes de todas as escolas, creche, lar de idosos, APAE, promotoria de justiça, além da participação de nossos alunos do CRAS, por fim, foi fim a nossa conferência foi maravilhosa e com certeza muito positiva” finalizou a secretária

Confira mais fotos da 11ª Conferência Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente:

Posted by Prefeitura de Campina Verde on Friday, November 9, 2018

 

Confira a matéria completa no Facebook:

11ª Conferência Municipal de Direitos da Criança e Adolescente é Realizada Com Sucesso Em Campina Verde

“Proteção Integral, Diversidade e Enfrentamento as Violências” foi tema da 11ª Conferência Municipal de Direitos da Criança e Adolescente, realizada pela Prefeitura Municipal, juntamente com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente, na tarde desta quinta-feira 08, no Centro Pastoral João Paulo II. A conferência teve como finalidade realizar debates, que fazem parte da base do Plano Decenal dos Direitos da Criança e do Adolescente, além de propor metas que poderão fazer parte da pauta da Conferência Estadual que será realizada no ano que vem. Confira todos os detalhes em nossa matéria:

Posted by Prefeitura de Campina Verde on Friday, November 9, 2018

 

Confira a matéria completa no Youtube:

Por William Batista.

Fotos William Batista.