0

O IMEPAC Centro Universitário recebeu nesta quinta-feira, 21, a importante visita de prefeitos e autoridades da região. Ações de integração com os municípios da região como esta, estreitam laços que geram melhorias e desenvolvimento para todos.

A comitiva contou com representantes de 6 municípios: Cachoeira Dourada – Prefeito Aleandro Francisco Da Silva, Campina Verde – Prefeito Dr. Helder Paulo Carneiro, Capinópolis – Prefeito Cleidimar Zanotto, Gurinhatã – Prefeito Wendel Luciano, Prata – Prefeito Marcel Vieira Rodrigues Da Cunha, e Santa Vitória – Vice-Prefeito Renato José de Paula.

A primeira parte da visita foi ao Centro de Simulação Realística (CSR), onde os governantes puderam ver a estrutura utilizada para promover uma formação de qualidade aos alunos IMEPAC e capacitar a rede de saúde da região com os cursos oferecidos na Instituição. Dr. Helder, Prefeito de Campina Verde, salientou o primor em cada detalhe e equipamento do CSR, concluindo que “essa tecnologia de primeiro mundo vai auxiliar muito a nossa saúde, a saúde de toda nossa região”.

Em seguida, a comitiva seguiu para o Ambulatório Médico, no qual 42 consultórios atendem a população que mais necessita, proporcionando também aos alunos uma vivência profissional fundamental à uma boa atuação.

A visita foi concluída nas obras do Hospital Universitário Sagrada Família. Acompanhados pelo Reitor da instituição, José Júlio Lafayette, a comitiva pode presenciar o avanço da obra, que teve início em agosto de 2019 e que está com toda a estrutura principal finalizada.

O hospital contará com cerca de 330 leitos, 49 UTIs e 20 salas cirúrgicas, para receber pacientes não só de Araguari, mas também de diversas cidades vizinhas. Estima-se que 60% desses leitos sejam destinados ao Sistema Único de Saúde (SUS), o atendimento será integrado com as unidades do SAMU, e será o primeiro hospital da região com heliponto. Um grande apoio para a saúde dos municípios próximos.

Neste momento de muita troca e perspectiva de avanço, os prefeitos saíram de Araguari certos de que, em breve, teremos médicos, enfermeiros, nutricionistas, farmacêuticos, psicólogos e educadores físicos ainda mais capacitados a um atendimento digno e humano, e ampliaremos o acesso da população em geral a uma saúde de qualidade.

Fonte: imepac