Standard Liege e Atlético Campinaverdense Decidem Título do Campeonato Municipal de Futebol

0
0

Reeditando a final do ano passado as equipes do Standard Liege e Atlético Campinaverdense, vão decidir o título do Campeonato Municipal de Futebol Amador na tarde deste domingo 16, no Estádio Dr. Afonso Celso Faria. As duas equipes chegaram a grande final depois de decidirem nos pênaltis a vaga na semifinal no último domingo.

Um fato curioso neste campeonato gera em torno da equipe do Standard Liege, que chegou a grande final sem ao menos vencer uma partida no tempo normal. Na fase de classificação a equipe fez três jogos, sendo duas derrotas uma para a equipe do Manchester pelo placar de 03 a 02, e a outra para o mesmo Atlético Campinaverdense pelo placar de 02 a 01, o único ponto conquistado pela equipe foi diante da Associação Procopense que empataram em 02 a 02 na penúltima rodada da fase de classificação.

Na semifinal a equipe, começou perdendo para a equipe do Arsenal, foi em busca do empate e conseguiu vencer pelo placar de 04 a 03 nos pênaltis. Por outro lado a equipe do Atlético chegou a grande final com 100% de aproveitamento, uma goleada diante da fraca equipe dos Veteranos na primeira rodada do campeonato pelo placar de 06 a 01, outra vitória diante da equipe do Standard Liege pelo placar de 02 a 01 e um empate na última rodada da primeira fase diante da equipe do Arsenal pelo placar de 02 a 02.

Na fase de semifinal a equipe do Atlético começou na frente do marcador, mais cedeu o empate para a equipe do Manchester, porém melhor nas cobranças de pênaltis garantiu a vaga para a grande final do campeonato municipal ao vencer o Manchester pelo placar de 04 a 01.

A partida que define o grande campeão acontece às 17 horas no Estádio Dr. Afonso Celso Faria, e você torcedor é nosso convidado para prestigiar esse grande jogo que promete muito. Lembrando que o campeonato municipal é uma realização da Prefeitura Municipal e Secretaria Municipal de Esportes e conta com o apoio do Conselho Municipal de Esportes.

 

 

 

 

 

 

 

 

Por William Batista.